segunda-feira, 23 de março de 2009

Todo meu!

No quarto,
A minha camisa de seda vermelha deixava desejares-me no meu (in)discreto decote. Tu olhas-me, pedes-me que a tire, só para ficares a olhar para elas. Chego-me a ti...ponho-me a jeito de me sentires o perfume no decote, aproveitas o momento e lambes-me o pescoço e o peito..a tua lingua gosta de brincar em mim, por completo!
Eu dispo-a. Ficas numa excitação que se vê a léguas de distancia, eu rio-me enquanto tu me olhas com ar de menino que quer brincar mas não pode. Eu afasto-de ti...dispo-me toda. Ordeno-te: Despe-te agora.
Tu mordes os labios enquanto te despes.
"O que queres agora tesão que és só minha?"
Respondes num ápice : "Quero as tuas mamas!"
Digo-te a rir: "Só tas dou se me deixares chupa-lo todo!"
Não pensas, sentas-te enquanto me fazes ajoelhar! Puxas-me o cabelo..com tesão mas com mimo..como se simplesmente te pertencesse (e pertenço). Orientas-me como se eu não soubesse tão bem o caminho e diriges a minha boca ao teu caralho que se mexe sozinho de desejo...Lambo-o, passo-te a mão no períneo (devemos chamar as coisas pelos nomes, tu gostas disto em mim) enquanto to mamo todo, sinto-te estremecer. Chamas-me "T..."(T do meu nome, T de Tesão), "matas-me" dizes vezes sem conta.. Nao me canso de to mamar..
Pedes licença..."posso?" Sei o que queres, e não o queres mais do que eu!! Respondo-te"deves!"
Vens-te na minha boca, dás-me todo o suminho..tanto!! Tanto, que deixo escorrer a tua esporra tao boa pelo pescoço..pelas mamas...que cuido logo que lamber, para não perder nada do que me pertence!
Levanto-me sedenta ainda..de que me fodas, só aí o prazer será completo. Agarras-me as maminhas ao meu levantar, mordiscas os bicos duros por ti, enlouqueces-me!! Pegas-me ao colo, voltada para ti...deitas-me na nossa cama, abres as minhas pernas, enfias-me o dedo depois de to lamber, beijas-me..poes outro dedo, masturbas-me..nao deixas de me deixar louca. Sinto o corpo desfalecer...perguntas se estou a gostar..grito-te : FODE-ME...
Tu gostas que te implore, é a tua vez de rires..e castigares-me...viras-me ao contrario e fodes-me à canzana, fazes-me vir num orgasmo tão intenso como o teu amor. Desejo que aquele momento nao acabe!!
Mas acaba...abraças-me enquanto eu ainda tremo..o que tu gostas de me foder assim!! O que eu amo foder-te tambem.
Que "granda foda" dizes...
Adormeço segura em ti, apaixonada, desejosa pela proxima!
Quero-te!

8 comentários:

Carol disse...

Uau, muito exitante o texto!
beijos achei bem legal aki

S disse...

Que tesão incrível que tu me fizeste, meu amor.
Adoro-te. Mais que a tudo.
Quro-te.

S disse...

Sou todo teu. sou

T disse...

Carol, que bom! Volta quando quiseres! :) beijos grandes!

S, espero que tenhas gostado..tu mereces*

Alentejanito disse...

que tesão de texto

Beijos

intimidades disse...

fantastico

Jokas

Paula

Lucinha disse...

ops.. licencinha.. entrando no quarto..rsrsrs uauuuuuuuu parabéns. se permitir virei mais vzs... beijinhos e deixo meu carinho e minha amizade..

T disse...

Alentejanito, bem-vindo, aqui só encontrarás tesão da boa!

Intimidades, vou visitar-te de seguida.. Obrigada*

Lucinha, volta sempre, será um prazer e um gosto que entres no nosso quarto! É um quarto que te acolherá sempre. Senta-te, deita-te, faz..sê quem quiseres!

Obrigada pela vossa visita ao nosso quarto!